Postagens mais visitadas

domingo, 25 de junho de 2017

PICO DOS HORIZONTES - CATAS ALTAS

Catas Altas, a apenas 120Km de Belo Horizonte é conhecida por sua produção artesanal de vinhos de jabuticaba e belezas naturais. Essa linda e pacata cidade, cravada aos pés da Serra do Caraça, propicia várias trilhas e cachoeiras.
E foi nesta cidade a trilha escolhida para nos aventurar neste dia frio de junho
 A subida ao Pico dos Horizontes com 1810 metros, em Catas Altas é uma escalaminhada de 06km ida e volta, considerada muito difícil devido ao desnível do percurso. 
No trajeto de ida, de Catas Altas até o Pico dos Horizontes, são 3Km de subida, sendo que, nesses 3Km, o desnível é de 1Km. Em alguns locais, não há trilhas e o caminhante deverá se equilibrar nas pedras para poder alcançar o cume. A trilha que conduz até o topo do pico passa por grutas, cursos d'água e paisagens muito bonitas.
Esse trekking é indicado para servir de teste de resistência para aqueles que desejam fazer a Travessia de Serra Fina e/ou ouras caminhadas mais puxadas.
E foi com esta intenção que partimos felizes para mais uma aventura de trilhas;
Para nossa surpresa a trilha era mais difícil que esperávamos e o esforço fisico e teste de resistencia começou ainda no início da trilha.
Com uma trilha em mata fechada e só com subidas fortes e escalaminhadas que exigiam preparo físico e força nos braços e muita perna e equilibrio psicológico,
A medida que subíamos a paisagem era mais bonita e de tirar o fôlego. Catas altas ficava cada vez menor à medida que aproximávamos do topo.
Gostaria de relatar que ao ver o Pico tive receio do que nos aguardava nesta trilha e não estava errada. Meus instintos não estavam errados e hoje posso dizer com toda certeza que foi a trilha mais difícil até hoje realizada. Ali foram testados vários tipos de sentimentos ao mesmo tempo: medo, dor, resistência, força, insegurança, pavor, solidão, euforia, entusiasmo, superação e muitaaaaaaa felicidade!
Infelizmente, não chegamos ao topo. Ficamos a 30 m dele, Quase nada ne, mas que levaria mais uma hora para concluirmos e o tempo não estava favorável e  a volta poderia ser no escuro, o que não é aconselhável nas condições deste tipo de trilha.
Se me perguntasse na hora se voltaria responderia que não, mas hoje avaliando tudo que passamos e agora conhecendo o que nos espera, falo que talvez sim!
O topo não foi alcançado e deixar de chegar ao final de uma trilha não é o meu feitio, porém, vou ter de voltar!












Segue abaixo as fotos desta aventura que jamais esqueceremos.


A pousada Oro Pro Nobis é uma ótima opção pra quem quer se hospedar em Catas Altas para fazer as trilhas ao Pico. Excelente comida, lugar aconchegante e pessoas hospitaleiras. ( RUA DO CAMPO, 79- CENTRO, CATAS ALTAS- MG, 35969-000)






mata sempre fechada e muitas árvores




Catas Altas vai ficando pra trás...


Cachoeira do meio, bem no início da trilha




caverna já próximo ao topo






nosso guia Jochen Ames








As subidas vão ficando mais difíceis




As escalaminhadas vão ficando mais constantes











As luvas foram essenciais nesta escalaminhada
















Aí estão nossos heróis trilheiros: Elisa, Ayra, Murilo, Robson, Sophia e acima Jochen Ames



E cuidado para não acabar assim....rs
Calçado ideal não pode ser aquele tão velho e ressecado.



Na trilha certa com novos desafios. Venha fazer parte desta turma!


Até a próxima!!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário